Movimento Funcional

Publicado por em

O que é Movimento Funcional?

O Movimento Funcional é uma abordagem de treinamento físico que visa melhorar a capacidade de movimento do corpo humano de forma integrada e eficiente. Diferente dos treinos convencionais, que muitas vezes focam apenas em músculos isolados, o Movimento Funcional busca desenvolver a coordenação, a estabilidade, a mobilidade e a força em conjunto, de modo a preparar o corpo para realizar as atividades do dia a dia com mais facilidade e prevenir lesões.

Princípios do Movimento Funcional

O Movimento Funcional se baseia em alguns princípios fundamentais que norteiam a sua prática. Um desses princípios é o de que o corpo humano funciona como um sistema integrado, onde todas as partes estão interconectadas e influenciam umas às outras. Portanto, é importante treinar o corpo de forma global, em vez de focar apenas em músculos isolados.

Outro princípio do Movimento Funcional é o de que o corpo humano é projetado para se mover em diferentes planos de movimento, como o plano sagital (frente e trás), o plano frontal (lateral) e o plano transversal (rotação). Portanto, é importante realizar exercícios que envolvam movimentos em todos esses planos, a fim de desenvolver uma capacidade de movimento mais completa e funcional.

Além disso, o Movimento Funcional valoriza a realização de exercícios que imitam padrões de movimento do dia a dia, como agachar, levantar, empurrar, puxar, girar, entre outros. Isso porque esses padrões de movimento são os que mais utilizamos em nossas atividades cotidianas, e treiná-los de forma integrada ajuda a melhorar a nossa capacidade de realizar essas atividades com mais eficiência e segurança.

Benefícios do Movimento Funcional

O Movimento Funcional oferece uma série de benefícios para o corpo e a mente. Um dos principais benefícios é o desenvolvimento de uma maior consciência corporal, ou seja, a capacidade de perceber e controlar os movimentos do corpo de forma mais precisa e eficiente. Isso ajuda a melhorar a postura, a coordenação motora e a prevenir lesões.

Além disso, o Movimento Funcional ajuda a melhorar a estabilidade e a mobilidade das articulações, o que contribui para uma maior eficiência nos movimentos e uma menor sobrecarga em determinadas regiões do corpo. Isso é especialmente importante para pessoas que praticam esportes ou realizam atividades físicas de forma regular, pois ajuda a prevenir lesões e a melhorar o desempenho.

O Movimento Funcional também é uma ótima opção para quem busca emagrecer ou ganhar massa muscular, pois os exercícios realizados nessa abordagem costumam ser mais intensos e envolver múltiplos grupos musculares ao mesmo tempo, o que aumenta o gasto calórico e estimula o ganho de massa magra.

Exemplos de Exercícios de Movimento Funcional

Existem diversos exercícios que podem ser incluídos em um treino de Movimento Funcional. Alguns exemplos são:

– Agachamento: um exercício que trabalha principalmente os músculos das pernas e do quadril, mas também envolve a musculatura do core e dos glúteos.

– Prancha: um exercício que fortalece a musculatura do core, incluindo os músculos abdominais, lombares e glúteos.

– Levantamento terra: um exercício que trabalha principalmente os músculos das pernas, do quadril e das costas, mas também envolve a musculatura dos ombros e dos braços.

– Flexão de braço: um exercício que fortalece principalmente os músculos do peito, dos ombros e dos braços, mas também envolve a musculatura do core.

– Remada: um exercício que trabalha principalmente os músculos das costas, dos ombros e dos braços, mas também envolve a musculatura do core.

Como incluir o Movimento Funcional na sua rotina de treinos

Para incluir o Movimento Funcional na sua rotina de treinos, é importante contar com a orientação de um profissional qualificado, como um educador físico ou um personal trainer. Esse profissional poderá avaliar as suas necessidades e objetivos, e elaborar um programa de treinamento personalizado, que leve em consideração as suas características individuais.

Além disso, é importante ter em mente que o Movimento Funcional não se resume apenas aos exercícios realizados em uma academia. É possível incluir princípios do Movimento Funcional em diversas atividades do dia a dia, como caminhar, correr, subir escadas, carregar sacolas, entre outras. O importante é buscar realizar essas atividades de forma consciente e com uma boa técnica de movimento.

Conclusão

O Movimento Funcional é uma abordagem de treinamento físico que busca melhorar a capacidade de movimento do corpo humano de forma integrada e eficiente. Ao treinar o corpo de forma global, em diferentes planos de movimento e imitando padrões de movimento do dia a dia, é possível desenvolver uma maior consciência corporal, melhorar a estabilidade e a mobilidade das articulações, prevenir lesões e melhorar o desempenho esportivo. Para incluir o Movimento Funcional na sua rotina de treinos, é importante contar com a orientação de um profissional qualificado e buscar aplicar os princípios do Movimento Funcional em atividades do dia a dia.

Categorias:

Preencha o formulário para eu entender melhor seus objetivos